Governador participa da posse da nova diretoria do TRT

Campo Grande (MS) – O governador Reinaldo Azambuja participou na noite dessa segunda-feira (17.12) da solenidade de posse da nova diretoria do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 24ª Região, com sede em Mato Grosso do Sul. A nova equipe será presidida pelo desembargador Nicanor de Araújo Lima.

Ao participar do evento no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, o governador ressaltou que o TRT “realiza um excelente trabalho”, independentemente de quem esteja à frente da Corte. “Sai o João de Deus e entra o Nicanor e o TRT continuará tendo a mesma eficiência, e o Tribunal  tem sido um grande parceiro do Governo do Estado”, destacou Reinaldo Azambuja.

O desembargador Nicanor de Araújo Lima assumiu a presidência do TRT pela segunda vez e terá mandato de 2019 a 2020. Ele prevê grandes desafios pela frente gestão, que começa no dia 1º de janeiro.

“A Justiça do Trabalho sofreu um corte orçamentário bastante injusto e irresponsável, em torno de 30% do custeio. Nós temos que usar a criatividade para conseguir fazer o máximo possível com o mínimo que a gente tem. Um dos projetos que será executado na minha gestão é o sistema de energia solar que será implantado no prédio sede do Tribunal e em duas varas do interior para torná-los autossuficientes em produção de energia, gerando economia de recursos bastante significativa”, garantiu o magistrado.

Junto com o desembargador Nicanor de Araújo Lima foram empossados o desembargador Ricardo Geraldo Monteiro Zandona no cargo de Ouvidor e o desembargador Francisco das Chagas Lima Filho no cargo de Diretor da Escola Judicial. O desembargador Amaury Rodrigues Pinto Junior assumiu a vice-presidência.

Paulo Yafusso – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Foto: Chico Ribeiro